vitoria


Chile, 2013, p&b, 8mm, digital, 9’48”
Direção: Sebastián Schmidt-Urzúa
Sinopse: As ruas, o trânsito, os detalhes da cidade de Santiago são explorados a partir de uma perspectiva abstrata, com imagens atemporais, sem contexto, sem respaldo histórico.

Cine Metrópolis/UFES  sexta-feira, 19 de Julho, 19:00h

Av. Fernando Ferrari, 514 Ufes, Campus Universitário Goiabeiras,

Vitória – (Espírito Santo),BRAZIL

Anuncios

Print

No dia 19 de Julho, acontecerá no Cineclube Metrópolis a mostra “Cidade: Derivas e Relatos” com trabalhos experimentais latinos inéditos no estado, realizada pelo Grupo de Estudos Audiovisuais (GRAV) com apoio da Secretaria de Cultura da Ufes e Ecos Jr. Após a exibição, haverá um debate com a curadora Valentina Montero e o professor arquiteto Heraldo Borges.

“Cidade: Derivas e Relatos” reúne obras que trabalham diferentes abordagens das metrópoles. Diversas capitais do mundo são dissecadas, abertas sobre a “lente-bisturi” dos artistas: Nova York, Paris, Taipei, Santiago, Barcelona, Caracas, Buenos Aires, La Habana. Os artistas – de procedência latino-americana – carregam as imagens das cidades com símbolos vindos de sua biografia, etnia e contexto de vida, atualizando seus significados a partir da paródia, do tributo ou do jogo. Os artistas procuram evidenciar as cidades a partir de sua construção, crescimento e expansão, que em algum momento deixou de obedecer a um projeto racional de estruturação. São obras em que os centros urbanos se revelam como habitat, mas também como espectro, como um postal que o turista, como sujeito social inconstante, consome antes de ali pisar.

Artistas: Valentina Serrati, Enrique Ramírez, Ricardo Vazquez, Alexander Apóstol, Cristián Alarcón IsmodesLeón Siminiani, Sebastian Schmidt-Urzua, Marcela Moraga